Rabuda de fio dental

Rabuda de fio dental


Como comer um cuzinho


10 em cada 10 homens querem praticar essa modalidade com suas parceiras.
Mas….8 em cada 10 mulheres não gostam. E a grande maioria se nega a fazer.
Hello!!! Elas não querem anal porque dói e porque sofrem pra caralho (o trocadilho foi proposital!).


Quer saber?
Isso acontece porque os porras por aí não sabe fazer direito!

Nêgo só quer meter o “tatuzão”. Agem como se estivessem escavando um túnel do metrô.
Não é assim, pessoal!!!

No último mês, três leitoras me relataram que foram ‘iniciadas’ na prática por verdadeiros experts.
Resultado?
Amaram!!!
Ganham elas, que têm mais prazer.
Ganham eles, que realizam esse fetiche tão especial.
Querem virar esse jogo?

Vamos então ao caminho das pedras:
  • Não vá com muita sede ao pote. A mulher tem de estar extremamente excitada e super no clima para desfrutar das benesses do anal. Paciência é a palavra-chave
  • Você acha que capricha nas preliminares? Então capriche três vezes mais quando quiser explorar ess área quase inacessível no corpo da sua gata
  • Nem sonhe em já ir colocando seu menino para dentro. Quando ela atingir a fase de real animação, comece a acariciar o cuzinho dela com um dedinho. Mas não pare de fazer o que já vinha fazendo, para não cortar o clima da moça.
  • A estratégia é propiciar uma overdose de prazer. As carícias têm de estar tão boas a ponto dela não conseguir pensar direito no que está acontecendo no rabinho dela.
    P.S.: acariciar é passar o dedo por cima, oscilar a pressão na área (pressionar, soltar, pressionar, soltar), hidratar a área (com saliva, KY, óleos ou qualquer outro lubrificante)…
  • Só depois de um tempinho coloque um dedinho no fiofó da moça e comece vagarosamente o movimento de vai-e-vem. De novo: não pare de fazer o que já vinha fazendo.
  • Sentiu que a região relaxou com um dedinho? Coloque dois lá dentro.
    Relaxou de novo?
    Aí, amigo, taca lubrificante na camisinha e vai para o crime.
  • Se for a primeira vez dela, coloque devagar e vá entrando educadamente, como se estivesse andando nas pontas dos pés.
  • Quando estiver todo lá dentro, espere um pouco e deixe ela se acostumar antes de começar o vai-e-vem.
  • Depois de alguns segundos ela estará mais do que pronta para desfrutar de todo esse prazer.


Casal safado

Casal safado

Gostosinha